Publicidade

Acesso Restrito

Neurolingüística, você usa, mesmo não sabendo o que é.

Por: Deroní Sabbi

Um palestrante dirigiu-se a centenas de pessoas e disse:

- Existem dois tipo de pessoas no mundo. As que usam PNL e as que usam PNL(Programação Neurolingüística).

Fez-se um silêncio na platéia, alguns acharam que não haviam entendido, pois ali havia também pessoas que apenas haviam ouvido falar superficialmente no assunto.

Então ele repetiu: - Existem dois tipo de pessoas no mundo. As que usam PNL e as que usam PNL.
Mas o que é esta tal de PNL e porque no mundo inteiro se fala tanto dela? Porque tantas pessoas relatam mudanças de vida através de seu uso? Qual sua utilidade na prática? Boas perguntas. Vamos procurar respondê-las.

A Programação Neurolingüística(PNL) é uma ciência, uma espécie de manual do usuário do cérebro humano e como utilizá-lo para alcançar nossos objetivos pessoais, familiares e profissionais. Possibilita conhecer a estrutura do funcionamento da mente e como reprogramá-la através de uma linguagem que os neurônios possam entendê-lo e colocá-lo em prática. Serve para entender melhor as pessoas e a nós mesmos e comunicar-se de um jeito que funciona, para chegarmos onde queremos de uma forma que seja bom para todos. Tem sido utilizada em escolas do mundo todo, na prática do dia a dia de advogados, médicos, psicólogos, comerciantes, vendedores, pais e mães, jovens de todas as idades para obter mudanças que antes não pareciam possíveis antes. Serve para superar ansiedades, inseguranças, desenvolver habilidades de relacionamento, negociação e solução de conflitos. É uma ciência porque estes resultados se repetem em todos os lugares e cada vez mais. A pessoa aprende a conhecer suas emoções e seus pensamentos, como e porque reage de determinadas formas e como ter acesso a novas opções, novas alternativas mais ricas e significativas em seus relacionamentos, seus negócios e em sua vida como um todo.

A pessoa percebe como se dá o processo de aprendizagem de conteúdos e atitudes e como fazer para aprender mais em menos tempo, de maneira mais fácil e prazerosa. Aprende como usar a linguagem verbal e não verbal e fazer as perguntas certas para cada tipo de informação omitida e como fazê-las de maneira que o interlocutor manifeste cooperação ao responder. Mostra como fazer perguntas e contar histórias com o objetivo de ampliar a consciência de outras pessoas de maneira que abram a mente para novos caminhos mais produtivos, com melhores resultados e mais satisfação. Há meios específicos de funcionar para obter resultados e se tornar mais eficiente e pode-se aprender isto e aplicar em qualquer área da vida.

Um professor, por exemplo, poderá identificar como cada aluno aprende melhor observando o movimento dos olhos, que lhe dão indicações precisas de como estão processando as informações. Basta escutar uma ou duas frases para ver com clareza se devem enfatizar para aquele aluno as informações visuais, ou auditivas ou ainda ligadas às sensações, sentimentos ou significado. Um professor perceberá que se usar apenas um de três canais de comunicação, atingirá apenas um certo grupo de alunos enquanto outro ficará a ver navios porque o professor não usou a linguagem que eles entendem. Mas um professor que sabe falar todas as três linguagens será mais eficiente no ensino aprendizagem de qualquer conteúdo. Um pai ou mãe poderá influenciar mais fortemente e obter a colaboração de seu filho se usar os recursos que a PNL ensina, pois é freqüente o fato de que três filhos diferentes precisam de um jeito diferente para que cada um possa entender e ser influenciado da mesma forma. Se souber chegar do jeito que cada um gosta e entende, as portas se abrirão com mais facilidade.

Para alguns dizer isto é como falar grego, pois não tem uma experiência análoga para entender como se processa isto ou tem medo de se aventurarem no caminho das mudanças pois preferem continuar como estão, pois se sentem mais seguros num terreno conhecido. Você já comeu manga? Saberia como explicar como é o gosto de uma manga? Se lhe perguntasse isto talvez você me respondesse: - Só comendo pra saber. Com a PNL acontece o mesmo, só se pode saber pela experiência. É como tocar piano. Você pode ler centenas de livros sobre como se toca piano, mas só vai saber mesmo no momento em que sentar e colocar seus dedos nas teclas e experimentar, desenvolvendo aos poucos suas habilidades. Ler apenas pode dar uma idéia distante do que é isto. Uma única experiência de mudança lhe possibilitará uma compreensão centenas de vezes mais ampla. A crença positiva abrea as portas, pois atua sobre as capacidades e o comportamento, tornando-o criativo. É preciso acreditar que a mudança é possível, e que pode acontecer consigo, como acontece com os outros. E se permitir trilhar o caminho.


Dr. Deroní Sabbi - palestrante internacional, coach, psicólogo e escritor. Conheça nosso site: www.sabbi.com.br

Participação: Nenhum Comentário

Avaliação:

  • Atualmente /5

Se você quer comentar também Clique aqui

Compartilhe ou guarde este conteúdo

Mais Matérias de Psicologia

Resolução mínima de 800x600. Copyright © 2014 Rede Omnia - Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução total ou parcial sem prévia autorização (Inciso I do Artigo 29 Lei 9.610/98).

R7 Educação